quinta-feira, 8 de abril de 2010

XOCOATL, O VERDADEIRO CHOCOLATE

O chocolate conhecido atualmente.
.
O atual chocolate, conhecido pelos astecas como xocoatl, era usado como uma bebida nobre pelos povos pré-colombianos. Em Novembro de 2007, arqueólogos encontraram vestígios da mais antiga plantação de cacau em Honduras, que data de 1100 a 1400 a.C, então chamaram a região de “berço do chocolate”.

Hieróglifos maias confirmam o uso do chocolate pelos povos pré-colombianos.
.
A civilização maia cultivava o cacau e usavam as sementes para fazer uma bebida amarga. Hieróglifos maias dizem que o chocolate era usado para fins cerimoniais assim como no cotidiano.
.
Sementes de cacau.
.
O chocolate era um bem luxuoso e importante para os astecas, e os grãos de cacau eram usados como moeda, além disso, todas as áreas conquistadas pelos astecas eram obrigadas a plantar cacau e pagar impostos em grãos.

Contudo
, o chocolate deu origem a diversas lendas, utilizadas até mesmo nos dias de hoje, podendo nos fornecer indícios sobre a utlização desse fruto naquela época.
  • Lenda do imperador do chocolate

Esta lenda diz que foi em Montezuma, no México, que a bebida do cacau teve o seu maior fã. O mito fala que ele possuía, diariamente, à mesa 50 vasilhas de ouro para chocolate e ordenava colocar a disposição de seus funcionários mais de 3000 barris de cacau preparado. Diz a lenda que esse imperador, o último dos astecas, quando esteve no poder, de 1502 até 1520, tornou oficial o uso do chocolate nas refeições dos nobres, ficando conhecido pelas escrituras como o Imperador do Chocolate.

  • Lenda das vítimas de sacrifícios

Diz a lenda que os astecas, nas festividades das colheitas, davam às vítimas de sacrifícios taças de chocolate.

Segundo a historiadora Patrícia Oliveira, os astecas faziam isto para que as almas das vítimas chegassem mais rápido ao céu de uma forma que agradasse as divindades, pois o chocolate era visto como o alimento dos deuses.

  • Lenda das moedas de chocolate

Hieróglifo representa o uso de sementes de cacau como moeda.

Os astecas faziam suas moedas de xocoatl, ou seja, de chocolate. Isto demonstra a importância que o cacau tinha para eles, pois os seus maiores tesouros eram feitos de chocolates.

  • Lenda do harém de Montezuma e o chocolate afrodisíaco

Chocolate Montezuma.

Há uma lenda que diz que o imperador Montezuma tinha mais de mil mulheres e sempre ingeria chocolate antes de ir ao harém.

PORTAL COMUNISTA "América Latina VIVA" - publicação de WILLIAN DE SOUZA famousstudio_willian@yahoo.com.br

Um comentário:

Anônimo disse...

eu queria saber tudo sobre astecas como eles faziam as moedas, do que eram feitas as moedas, e não de chocolate. *-*